jovens

Universidade: um dos ambientes mais jovens da sociedade, permeado pela busca ávida por conhecimento e pelo aprimoramento de dons e habilidades que no futuro servirão à sociedade. No intervalo entre as aulas, sempre há cinco ou seis sentados no gramado com o violão, uma lembrança de que, independentemente do curso, a arte está presente no inconsciente coletivo dos jovens. Esse será o contexto onde ocorrerá a nona edição do Festival da Juventude pela Paz: a Escola Bahiana de Medicina.

Escola Bahiana de Medicina

Campus Escola Bahiana de Medicina – Cabula, Salvador

A Escola Bahiana de Medicina recebeu a proposta do Festival de braços abertos, ampliando as possibilidades do encontro e aumentando o desafio para todos os jovens que integram o Grupo Organizador. Pela primeira vez, a organização do festival se depara com a necessidade de difusão e acolhimento de um campus universitário com mais de 2000 alunos.

Entre os dias 7 e 12 de junho, cinco jovens representantes da Campanha da Juventude pela Paz visitaram a cidade de Salvador, como parte da preparação para o festival no final de julho. A agenda incluiu visitas às salas da universidade, apresentando o encontro e convidando os jovens para participarem do evento. “Foi muito emocionante ver um auditório com 200 jovens aplaudir o vídeo de difusão do festival de Salvador, manifestando adesão à nossa proposta.” – Relata Pedro, representante do grupo jovem de Belo Horizonte, que participou da atividade de divulgação dentro da faculdade.

Expandindo a discussão sobre serviço abnegado, a Escola Bahiana de Medicina conta com projetos de extensão universitária que levam atendimentos de saúde à população. Esses projetos são como um rico campo de aprendizado para estudantes de medicina, enfermagem e cursos relacionados, abrindo uma porta para o tema das missões humanitárias que a Campanha tem desenvolvido em parceria com a Fraternidade – Federação Humanitária Internacional.

Durante a sexta edição do Festival, na cidade de Belo Horizonte, a Mãe Divina,1 em uma mensagem transmitida ao vidente Frei Elias del Sagrado Corazón, ressalta a importância de a Campanha da Juventude pela Paz começar a atuar dentro de Universidades e centros comerciais:

“A Campanha da Juventude pela Paz, que alberga em um de seus princípios, que é o Festival da Juventude pela Paz, neste novo ciclo e depois daqui, de Belo Horizonte, deverá começar a trabalhar dentro das universidades, faculdades e áreas comerciais para que maior quantidade de jovens conheça a Campanha da Juventude pela Paz” (Maria, Rosa da Paz, 29 de abril de 2018).

Quando cada consciência jovem coligada se une à proposta da Mãe Divina e se esforça para responder ao Seu Chamado, a Campanha da Juventude pela Paz vive uma expansão interna. Pela adesão de cada coração, as graças são multiplicadas para os jovens do mundo. Assim, o festival aterrissará dia 28 de julho em Salvador, prometendo abraçar universitários, artistas e jovens de todas as tribos e culturas. Esperamos você em Salvador!

Inscreva-se no Festival da Juventude pela Paz de Salvador AQUI!

Para mais informações acesse:

salvador.juventudepelapaz.org

1- Assim como em outras épocas ao longo da história, tal qual em Fátima – Portugal, a Mãe Divina vem transmitindo mensagens a videntes da Ordem Graça Misericórdia, organização Crística e Ecumênica. As Aparições começaram a ser públicas no ano de 2011. Para mais informações acesse: www.mensajerosdivinos.org/pt-br/historia-de-los-videntes.

jovens conversando na grama