Juventude Missionária pela Paz em Belo Horizonte

//Juventude Missionária pela Paz em Belo Horizonte

“A luz entra pelas novas telhas transparentes. Não é bom ficar na escuridão. A gente tem que viver na luz.” Essas foram as palavras de agradecimento de Luciana de Souza Margarido, moradora da Comunidade Vila União. Os jovens que participaram da Jornada da Juventude Missionária pela Paz em Belo Horizonte (MG), colocaram algumas telhas transparentes na casa de Luciana em um dos dias da vivência.

A Jornada aconteceu nos dias 25, 26 e 27 de maio de 2018, inaugurando um campo de expressão dentro da Campanha da Juventude pela Paz, que irradia diretamente a energia do serviço. Segundo o filósofo espiritualista José Trigueirinho Netto, o serviço “fundamenta-se no esquecimento de si, na ação abnegada. O serviço puro gera uma onda energética potente, capaz de proporcionar grandes transformações no mundo e nos seres. Fortalece os ideais elevados e o altruísmo”.

Sede da Campanha da Juventude pela Paz

No dia 25 de maio, 15 jovens participaram da pintura do muro da Casa das Crianças, local de serviço vinculado ao Núcleo-Luz de Figueira Sagrado Céu. A Casa promove várias atividades, e agora também se tornou a sede da Campanha da Juventude pela Paz em Belo Horizonte. O muro era alvo de pichações e, assim, optou-se pela estratégia de pintá-lo, pois os pichadores normalmente respeitam a arte, no caso, a pintura. Os participantes fizeram as paletas de cores, usando tinta branca e bisnagas coloridas para atingir tons harmônicos. “Para mim foi muito libertador pintar aquele muro, porque foi pedido que cada um pintasse do seu próprio jeito”, comentou Sarah Grossi, de 21 anos.

Durante a produção do “quadro urbano”, transeuntes que passavam na rua se aproximavam e puderam se informar sobre a Campanha da Juventude pela Paz e sobre a Casa das Crianças. Kamila Souza, que teve seu segundo contato com o Grupo Juventude pela Paz de BH, disse: “Fui recebida com afeição e amorosidade por todos. O que me deixou à vontade para manifestar minha criatividade. Algo que me encantou foi observar o dom de cada pessoa se manifestando naturalmente com o passar do dia”.

Muro pintado por jovens missionários de BH

 

Ação Humanitária

Já no dia 26, como mencionado no início da matéria, aproximadamente 25 jovens realizaram uma ação humanitária na comunidade Vila União. Uma parte do grupo atuou na casa da moradora Luciana, fazendo reparos no telhado, pintura e restauração das paredes. A outra parte foi para uma pequena praça na comunidade e interagiu com as crianças por meio de brincadeiras, músicas e truques de mágica. Luciana, em sua mensagem de gratidão, finalizou: “Estou maravilhada e agradecida. Muitos na Vila elogiaram. Querem saber quando o grupo voltará”.

Jovens missionários reconstruindo telhado

Auxílio aos Reinos da Natureza

No último dia (27) da Jornada, 12 jovens fizeram uma ação de auxílio aos Reinos da Natureza. A missão foi na “casa de passagem”, nome dado ao canil pelo ativista da causa animal, Franklin de Oliveira. Ele praticamente cuida, sozinho, de aproximadamente 70 cães e 30 gatos, em sua própria casa. Algumas das tarefas executadas pela equipe foram: limpeza dos galpões, lavagem das casinhas e organização da sala onde ficam as roupas, colchões e cobertas dos cães. “Eu percebi o alívio dos animais com a limpeza. Eles ficaram mais calmos e contentes. Também senti o agradecimento em forma de energia, tanto dos animais quanto do próprio Franklin”, observou Júlia Monteiro, uma das jovens missionárias.

Jornadas em São Paulo e em São Carlos

A Jornada da Juventude Missionária pela Paz ativou formalmente o espírito missionário na consciência do grupo de jovens em Belo Horizonte. O objetivo é manter as atividades, dando prosseguimento aos trabalhos iniciados. A ação humanitária é uma das ramificações da Campanha da Juventude pela Paz. Nesse sentido, estão previstas Jornadas da Juventude Missionária pela Paz nas cidades de São Paulo (dias 22, 23 e 24 de junho) e São Carlos (dias 29 e 30 de junho e 1º de julho).

Na mensagem do dia 30 de julho de 2017, intitulada “Um jovem da paz”, a Mãe Divina aponta uma pista para a Juventude Missionária: “Um jovem da paz constrói as novas pontes e eleva as consciências através de seus atos de amor, de misericórdia e de caridade”.

Grupo Jovem missionário de Belo Horizonte

Mais informações sobre o Grupo Juventude pela Paz em Belo Horizonte:

grupojovembh@gmail.com

Informações e como ajudar o Canil do Franklin:

(31) 9 9676-0099 (WhatsApp)

2018-06-22T12:08:23+00:00 22, jun 2018|Servir juntos|